Palavreando: Ela aprendeu

12:05:00

Oiie leitores, tudo bem? 

Hoje trago para a coluna um texto escrito por mim, parte do projeto Escrevendo sem medo (falei dele aqui). Espero que gostem. Aah, podem dar dicas, para que eu melhore os próximos!


Ela aprendeu

Se ela se concentrasse, ainda poderia ouvir o som. Os chamados, a correria... por mais ingênua que fosse, no alto de seus sete anos, ela sabia o que tudo aquilo significava. O fim ou um recomeço? Naquela época pouco poderia dizer. Ela só sabia que não o veria mais, não poderia ficar na beira da cama contando coisas do dia, ou lendo um livro. 

Ela ainda guardava na memória a lembrança das brincadeiras, dos sorrisos... infelizmente, agora anos depois, a voz já não podia ser recordada. A voz. Uma das primeiras lembranças a ser esquecida. Por mais que se esforce, ela nunca mais virá. Os sonhos que vieram após aquele dia, em que ele vinha confortar a ela e a família, ainda conseguia se recordar, mesmo que estes estivessem meio “enevoados”. 

Ela também podia dizer, agora com a maturidade dos anos passados, que enfim aprendera a verdadeira lição. Foi naquele dia que ela percebeu que a vida é efêmera demais. Foi ali que ela percebeu o quão importante a família é. Que nunca poderia deixar de dizer que amava, afinal você nunca sabe quando será a última vez. E porque ficar se corroendo pelos anos seguintes, pensando no que poderia ter dito? Diga logo! 

Abrace mais. Sorria mais. Ame mais. 

Vá, abrace sua mãe, pai, irmãos, avós... sua família. Ame-os. Viva com eles. Cada segundo conta. 

Esse é um dos bens mais preciosos da vida: amar. 


Beijos!





You Might Also Like

18 comentários

  1. Olá Lê. Tudo bem?
    Antes de qualquer coisa gostaria de dizer, que adorei o título e layout do seu blog. Gostei do texto, o achei muito bem escrito. Mas o que realmente me fisgou foi a mensagem. Nesse mundo tão caótico, onde todos nós estamos sempre ocupados; muitas vezes nos esquecemos das coisas simples, porém necessários. Do simples ato de dizer que ama alguém, que de fato amamos e que infelizmente pode não está ao nosso lado para o resto da vida.

    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Rê, tudo sim e com você?

      Obrigadaaa! Fico muito feliz de ter conseguido passar a mensagem que queria. De verdade.

      Beijos!

      Excluir
  2. Que coisa linda! São poucas as pessoas que ainda pensam assim! Sempre fui muito apegada a minha família e demonstro sempre que posso, pois sei que a vida passa e as pessoas não ficam aqui pra sempre, esperando o momento em que a gente percebe que ninguém é eterno. Parabéns por retratar de maneira tão adorável <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownn Jess, fico feliz que tenha gostado!

      É uma coisa tão simples, né?

      Beijos

      Excluir
  3. Meu Deus! Que texto foi esse, fiquei sem ar! Menina vc tem o dom de escrever, post sempre vou adorar ver!
    http://my1life2in3books.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownn Nath!

      Muito muito obrigada! Vou escrever mais, com certeza!

      Beijos!

      Excluir
  4. Nossa, muito bacana esse projeto hein! Mais pessoas deveriam participar! Quanto ao seu texto, adorei! Realmente precisamos ser mais amorosos com o outro e demonstrar isso!
    bjs! https://devaneiosdeslocados.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Milla!

      É bacana o projeto, né? Vi por estes dias e entrei logo, mesmo atrasada hahaha

      Fico feliz que tenha gostado do texto!

      Beijos

      Excluir
  5. Que amor de texto, adorei a lição contida e concordo com você. Devemos demonstrar mais nossos sentimentos e dizer o que pensamos, o que queremos, sempre que relacionado a alguém. Não posso dizer que pratico isso sempre, mas até que tento. Adorei o texto e o projeto, espero que continue, beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiie!

      Continuarei sim! Eu também não faço isso sempre, mas tento todo dia. Mesmo que não seja com palavras, mas com gestos. Acho que o ato de tentar pelo menos já ajuda.

      Beijos

      Excluir
  6. Nossa, que texto mais lindo. Você escreve com uma sensibilidade incrível. Adorei!!
    A mensagem que você passou é linda e muito importante. Precisamos valorizar as pessoas que amamos e não podemos perder tempo com bobagens. A vida é muito breve para não aproveitarmos cada segundo com as pessoas que são importantes para nós.
    Parabéns pelo texto!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownn Maria!

      Fico muito feliz que tenha gostado e mais, sentido a mensagem! Eu tenho muita insegurança com o que escrevo e vocês estão me ajudando a me sentir mais confortável.

      Obrigada de verdade! :)

      Beijos

      Excluir
  7. Amei o texto e a mensagem que ele traz temos que da valor às pessoas o hoje, porque sabemos que elas não vai ficar pra sempre com a gente.
    Amei o post!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Jaque!

      Fico feliz que tenha amado! Estou bem contente em saber que sentiu a mensagem.

      Obrigada!

      Excluir
  8. O texto é lindo. E nos faz pensar que as vezes nós queremos demais, e não paramos para ver que as coisas que realmente valem apena Estão bem do nosso lado ❤

    ResponderExcluir
  9. Um texto leve, verdadeiro. Muito bom ler seu texto sabia. eu não conhecia seu blog, mas adorei sua escrita. Estou curtindo, seguindo e espero poder ler mais textos seus. Eu demoro porque tenho pouco tempo mas eu apareço viu.
    Sucesso pra ti. bjs
    www.simplesmenteciana.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Lê!
    Achei seu texto super fofo e foi bem escrito, só sugiro que dê uma olhada nas posições das vírgulas, em alguns momentos ela apareceu onde não precisava e em alguns, faltou!
    O modo como você contou a história foi bem legal e o desenvolvimento também, o que parecia ser uma história triste transformou-se num belo lema de amor à vida! <3
    xoxo


    ps: outra sugestão, coloque a imagem do início do post centralizada, fica mais bonitinho! :)

    ResponderExcluir
  11. Realmente nunca sabemos quando estamos vivendo algo pela última vez!!!

    Eu me confortei vivendo pela primeira vez coisas sem minha mãe por aqui!!! Não me lembro diversas coisas que vivi pela última vez com ela!!! Mas hoje, me lembro tudo que fiz pela primeira vez sem ela!! Coisas simples e outras complicadas!!!

    A vida é a maior loucura que vivemos!!!

    Gostei do texto!!!

    http://ironicamenteinusitado.blogspot.com.br

    Bárbara Carolina

    ResponderExcluir

Popular Posts

Like us on Facebook

Most Popular